publicidade
11/09/2020 18:32

Valentina Gil comemora primeira participação no Campeonato Sul-Brasileiro


Foto: Eni Alves

Valentina Gil


A 23ª edição do Sul-Brasileiro mostrou para todo o Brasil novos e antigos talentos do kartismo do país em diversas categorias. Mas entre as meninas, outra vez, o número de “pilotinhas” continua reduzido nas nossas pistas e somente três meninas aceleraram nas curvas e retas do Kartódromo Beto Carrero. Entre elas, a gaúcha Valentina Gil, que disputou na Cadete.

As dificuldades no esporte já são conhecidas por quem acelera nos campeonatos, sejam estaduais, regionais ou mesmo nacionais. A situação não é diferente para as meninas, que além de lutar contra esses obstáculos, ainda têm pouca representatividade quando o assunto é a busca para se destacar no esporte.

Mesmo assim, Valentina foi valente e mostrou que tem o pé pesado para acelerar e alcançar o sonho de um dia chegar à Stock Car, a principal categoria do automobilismo brasileiro.

Minha primeira participação numa competição de nível nacional, como o Sul-brasileiro, foi de muito aprendizado, pois eu nunca tinha andado no Beto Carrero. Tive apenas 30 minutos para conhecer o traçado. Mas, minha equipe me deu o apoio necessário e fundamental que precisei. Teve alguns probleminhas no caminho, como batidas, mas coisas que acontecem em toda corrida. Agora estou focada no Campeonato Gaúcho, que será minha despedida da Cadete” comentou Valentina após a participação no Sul-Brasileiro.

O próximo desafio da “valente” Valentina já está marcado. Será nos dias 24 e 25 de outubro, no Campeonato Gaúcho, que vai ser disputado no Velopark.

Valentina Gil tem como patrocinadores SatoCor Clínica Cardiológica, Conceito Veículos, OMP Brasil, Outlet Serafina, T.I Performance e Lefafarma, compete na equipe Rogério Paiva Preparações e tem Bruno Bertoncello como coach.

Fonte: Kako Marques

  • Não há comentários cadastrados até o momento!