publicidade
09/09/2020 06:57

Antonella Bassani destaca competitividade no Sul-Brasileiro e parte para desafio internacional


Foto: Jackson de Souza

Antonella Bassani


A catarinense Antonella Bassani começou a semana de uma forma diferente, disputando a final do Campeonato Sul-Brasileiro. Realizado no Kartódromo Beto Carrero, a competição aproveitou o feriado de 7 de setembro e teve uma programação pouco habitual, com a final acontecendo nesta segunda-feira.

A pilota de 14 anos esteve entre os destaques da categoria Júnior e largou na 4ª posição para a corrida decisiva, porém um problema mecânico a tirou da briga pelo título do certame. Agora, o foco da pilota se volta para a preparação visando sua participação no FIA Girls on Track - Rising Stars, na Europa, a partir do mês que vem.

Num circuito onde tem um forte histórico, Antonella começou bem os treinos para o campeonato, no sábado, estando sempre entre os mais rápidos. Na tomada de tempos não conseguiu se encaixar e marcou o 7º tempo, mas fez boas provas de recuperação nas classificatórias, com um 3º e um 5º lugar.

Na soma dos resultados, a única menina na categoria largou na 4ª posição, mas logo no início da corrida final, seu kart já apresentava dificuldades para fazer curvas, e na 10ª volta ela teve de abandonar de vez a disputa por conta de uma quebra mecânica. Apesar de ter ficado próximo de um bom resultado, a pilota destacou a competitividade apresentada e já pensa em seus próximos desafios.


Na outra semana, entre os dias 17 e 19 de setembro, ela disputa da 4ª etapa da Copa São Paulo, na qual saiu vencedora da última rodada.

Logo na sequência, ela viaja para a Europa, onde participa da fase final do FIA Girls on Track - Rising Stars. A Seletiva, promovida pela Federação Internacional de Automobilismo e pela Academia de Pilotos da Ferrari visando incentivar a presença feminina nas pistas, reúne 20 pilotas do mundo todo, incluindo Antonella, em atividades que acontecem no circuito francês de Paul Ricard, em outubro.

“Foi um fim de semana intenso e bem produtivo. Estava forte nos treinos e nas corridas classificatórias, o kart estava bem rápido. Na final, larguei em 4º lugar, mas logo no começo tive dificuldades pra virar para a esquerda, até que não deu mais para segurar o kart na pista e tive de abandonar, e vimos que a coluna de direção estava quebrada. Foi uma pena, pois tínhamos tudo para garantir um bom resultado, mas são coisas que acontecem. Estou motivada para voltar à Granja Viana, onde venci a última etapa, e, principalmente muito focada na preparação para a Seletiva da FIA na Europa no mês que vem”, disse a catarinense.

Fonte: Eversports

  • Não há comentários cadastrados até o momento!