publicidade
05/06/2019 11:19

Com domínio completo, Pedro Aizza comemora título inédito em sua carreira


Foto: Jackson de Souza

Pedro e seu pai Edson Aizza


'Um dia espetacular. Vai demorar para cair a ficha porque foi um desempenho extraordinário'. Assim o curitibano Pedro Aizza resumiu a fase decisiva do Campeonato Sul-Americano, disputado no Kartódromo Velopark, em Nova Santa Rita (RS). A conquista inédita na carreira do piloto Promax Bardahl veio realmente de uma forma que será inesquecível para o jovem de 14 anos. Após bons treinos na quinta-feira (30), Aizza foi o mais rápido na tomada de tempos e nas duas classificatórias de sexta-feira (31). Neste sábado (1º), venceu as duas baterias, pré-final e final, completou a 'quina' e levantou o troféu de campeão da Codasur Júnior.

Após as seis baterias de treino na quinta-feira, com bastante chuva no Velopark, o dia seguinte foi com tempo inconstante e a pista voltou a ficar molhada. Assim Aizza começou a construir sua vantagem. Foi o mais veloz da tomada de tempos, cravando 1min15seg039, e ficou 0seg909 à frente do segundo colocado, o argentino Lucas Bohdanowicz. Na primeira classificatória do dia, venceu com 9seg485 de vantagem para Samuel Cruz. Na segunda, a diferença foi menor, 3seg690 mais rápido do que Lucas Staico.

No dia decisivo, o piloto curitibano mostrou porque o título de campeão sul-americano está nas mãos certas. Mais duas vitórias contundentes conquistadas. A primeira completando dez voltas em 10min59seg807, 2seg812 mais rápido que Lucas Staico. Na prova final, garantiu o título após 17min28seg291 em 17 voltas completadas, a 7seg996 do mesmo rival, que ficou com o vice-campeonato. A terceira colocação foi do argentino Lucas Bohdanowicz, seguido, do também argentino, Felipe Bernasconi e de Samuel Cruz, quarto e quinto colocados, respectivamente.

'Estava muito confiante. Nas duas primeiras provas, na sexta, tive uma liderança mais livre. Porém, no dia da decisão, as disputas foram intensas', comentou Aizza. 'Na pré-final, fui ultrapassado pelo segundo e terceiro, foi realmente difícil vencer. Tive que manter a calma e pensar bastante porque era uma corrida determinante para a final. Fiz as ultrapassagens, assumi a liderança e ganhei. Na final, a estratégia era ter um kart com alto desempenho após algumas voltas. Dei sorte que só um adversário conseguiu me passar, mas após três voltas retomei a posição. Na hora que meu kart atingiu o ápice de performance, aí deslanchei e fui embora', contou o campeão.

O foco do piloto Promax Bardahl passa a ser o Campeonato Brasileiro, que será disputado em julho, em Cascavel (PR). 'Conquistado esse título inédito e muito especial em minha carreira, as atenções voltam todas para o Brasileiro. Estou feliz demais, até me faltam palavras para explicar esse sentimento de ser campeão sul-americano. Mas agora é colocar os pés no chão e voltar a treinar na segunda-feira (3), porque faltam só 45 dias para o principal torneio nacional do país', finalizou o piloto, que no Sul-Americano competiu com o numeral 127, definido pela organização de acordo com as inscrições.

Pedro Aizza já disputou nove provas neste ano, com o título Sul-Americano sendo a sua quinta conquista. Antes, venceu o Metropolitano de Cascavel e foi vice na segunda etapa da Copa SPR Light, em Penha (SC). Pedro competiu nas quatro corridas da Copa SP Light, e tem, até o momento, uma vitória na segunda etapa. Ele somou ainda uma segunda, uma terceira e uma sétima colocação nas demais disputas da Copa SP. O piloto Promax Bardahl esteve também nas aberturas da Copa Interlagos e do Campeonato Sul-Brasileiro, ambas vencidas por ele, em fevereiro e abril, respectivamente.

Veja o top 5 da Final na categoria Codasur Júnior do Campeonato Sul-Americano 2019:
1º) Pedro Aizza (BRA) 17 voltas em 17min28seg291
2º) Lucas Staico (BRA) a 7seg996
3º) Lucas Bohdanowicz (ARG) a 11seg491
4º) Felipe Bernasconi (ARG) a 13seg557
5º) Samuel Cruz (BRA) a 17seg466

Fonte: ZDL Sports

  • Não há comentários cadastrados até o momento!