publicidade
07/11/2018 09:48

Sábado na Granja Viana foi de definição de campeões também no Rotax Max Challenge Brasil


Foto: ASI | Divulgação

Chegou ao fim a temporada de 2018 do Rotax Max Challenge Brasil São Paulo. No último final de semana, no Kartódromo Granja Viana, em Cotia (SP), os pilotos das sete categorias definiram os títulos em um ano repleto de disputas dentro da pista.

Após oito etapas realizadas, os pilotos das categorias Rotax chegaram para disputar o último compromisso da temporada. A expectativa começou logo na categoria Micro Max, com João Pinheiro sendo o campeão e Murilo Rocha conquistando o vice-campeonato. Enzo Bedani, que teve um início de temporada muito bom, ficou em terceiro.

Já na categoria Mini Max o domínio ficou por conta de Vinícius Tessaro, que foi absoluto durante toda a temporada. Sua maior preocupação foi Alejandro Samaniego, que ficou com o vice-campeonato. Lucca Zucchini foi o terceiro colocado. Outro que dominou a temporada foi Felipe Bartz, que comemorou o título da Júnior Max. Quem mais se aproximou de Bartz foi Gabriel Gomez, que ficou com o vice-campeonato. Dudu Trindade completou os três primeiros colocados.

Uma das categorias com maior disputa durante a temporada foi a Rotax Max. Venceu o piloto com maior regularidade ao longo da temporada, João Cunha, que se manteve sempre entre os líderes e conquistou o título. Paulo Coelho, que fez um excelente final de temporada ficou com o vice e Guilherme Peixoto foi o terceiro. Já na Rotax Max Masters, Lucas Souza soube administrar bem a competição e conquistou o título, com Luiz Antônio em segundo e Michel Aboissa em terceiro.

A categoria Rotax DD2 teve boas emoções até o final, com dois nomes disputando o título desde o princípio. Leonardo Reis se manteve muito bem desde o início da temporada e conquistou o título, seguido de perto por Rafael Reis, seu irmão. Frederico Capraro completou os três primeiros colocados. Já na categoria Rotax DD2 Masters, o piloto do ano foi Fernando Guzzi, que reforçou o seu apelido de “Mister Rotax' com mais um título na categoria. O segundo colocado foi Michel Aboissa, com Diego Lozov em terceiro.

Para Wilton Santos Junior, diretor da Mach5 Karting, detentora dos direitos da Rotax no Brasil, a temporada de 2018 do RMC Brasil São Paulo foi excelente. 'Tivemos uma temporada com grandes disputas no RMC Brasil São Paulo. É claro que as competições tendem a ser cada vez mais disputadas e saímos satisfeitos de 2018, já planejando um 2019 ainda melhor. Em nome da Rotax, gostaria de parabenizar a todos os pilotos e equipes que disputaram o RMC Brasil São Paulo', disse Wilton Junior.

O calendário do RMC Brasil São Paulo 2019 será apresentado em breve. Para adquirir motores e participar da competição, entre em contato pelo e-mail sac@rotaxmax.com.br.

Fonte: WNGMKT

  • Não há comentários cadastrados até o momento!