publicidade
04/12/2018 08:35

Roberto Faria disputará a Fórmula 4 Inglesa pela Fortec Motorsport em 2019


Foto: Luiz Pinheiro

Roberto Faria


O carioca Roberto Faria disputará o Campeonato Britânico de Fórmula 4 em 2019 – certificado pela FIA –, pela equipe Fortec Motorsport, depois de ótimas participações no kartismo brasileiro e também no Campeonato Mundial e Europeu de kart.

Faria tem em seu currículo diversos títulos estaduais no Rio de Janeiro, além de um vice-campeonato na Copa Brasil de 2016, e em entre os motivos que o levaram a disputar a Fórmula 4 Inglesa está a bela reputação da categoria, uma das mais competitivas do mundo.

A primeira atividade de Roberto Faria na F4 Inglesa, que utiliza carros fabricados pela Mygale, será em Valência, na Espanha, ainda em dezembro, após alguns trabalhos no simulador da Fortec, na Inglaterra. A etapa de abertura do campeonato será nos dias 6 e 7 de abril, em Brands Hatch.

“Estou muito feliz por poder disputar a F4 Britânica em uma equipe tão prestigiada como a Fortec Motorsport”, disse Faria. “Este será meu primeiro ano em carros e estou muito animado para somar o máximo de conhecimento possível durante a temporada”, completou.

Ollie Dutton, da Fortec Motorsport, salientou sua convicção de que Roberto Faria amadurecerá como piloto e será forte concorrente para a Rookie Cup, campeonato disputado paralelamente pelos pilotos que fazem sua temporada de estreia. “Estamos entusiasmados por ter Roberto junto à equipe para a temporada de 2019”, disse Dutton. “Está claro que Roberto possui muita ambição e paixão e estamos ansiosos para afinar suas habilidades e trabalhar com ele em nosso programa de desenvolvimento de pilotos. Este ano será uma grande curva de aprendizado para ele e estou confiante de que será um forte candidato ao título da Rookie Cup”, completou.

Roberto Faria, 14 anos hoje, é um jovem carioca amante do automobilismo, que teve o apoio dos pais para iniciar no kartismo em 2014. “Eu gostava muito de corrida desde quando eu era criança, mas nunca tinha conhecido o mundo no automobilismo. Minha mãe descobriu que o pai de uma amiga da minha irmã era piloto, o Cláudio Cappareli, então ele me levou para uma pista aqui do Rio, em Guapimirim, e eu comecei a treinar e competir lá”, lembrou Roberto Faria.

Fonte: Portal Kart Motor | Erno Drehmer

  • Não há comentários cadastrados até o momento!