publicidade
13/11/2018 15:34

Bayard Santos garantiu dois títulos na Copa Gaúcha e faz crescer otimismo para a disputa do Campeonato Gaúcho


Foto: Bruna Mansur

Bayard Santos


Com cinco etapas disputadas em cinco cidades diferentes no Rio Grande do Sul, foi encerrada no último final de semana em Bagé a Copa Gaúcha, que reuniu pilotos de todo o Estado e também do Uruguai ao longo da temporada. Dono de belas atuações em Frederico Westphalen, Guaporé, Venâncio Aires, Pelotas e Bagé, Bayard Santos (Lefa Farma | Rede Vida Farmácias | Won | Stopcar | Eletro) sagrou-se campeão em duas categorias.

Somando duas vitórias dentre as cinco etapas na 125 Sport, ele garantiu o título da Copa Gaúcha após marcar a pole position e as voltas mais rápidas na rodada decisiva em Bagé, onde venceu uma bateria e terminou em segundo na outra. Os resultados nas duas provas deram-lhe também o 1º lugar na última etapa.

O roteiro foi basicamente o mesmo na Fórmula 400 Sport. Com duas vitórias nas cinco etapas, Bayard Santos repetiu a dose e comemorou o título também nesta categoria, não sem antes vencer uma bateria e terminar a outra em segundo em Bagé. Assim, ele igualmente subiu no degrau mais alto do pódio na Fórmula 400 Sport.

“Foi um campeonato muito disputado e equilibrado, especialmente na 125 Sport, onde minha diferença para o segundo colocado foi muito pequena”, analisa Bayard Santos, 22 anos. “Corremos em cinco traçados diferentes, cada um necessitando de um acerto muito específico e, por isso, quero agradecer ao Davi Becker, que fez um belo trabalho nos chassis”, completou.

O foco de Bayard Santos (Lefa Farma | Rede Vida Farmácias | Won | Stopcar | Eletro) agora passa a ser no maior desafio da temporada, o Campeonato Gaúcho, que será disputado em Pelotas, de 7 a 9 de dezembro.

“A Copa Gaúcha foi um bom laboratório, acho que estamos bem preparados para esta disputa, que logicamente será equilibrada e muito difícil”, alerta o piloto de Venâncio Aires, que compete com motores preparados pela Mittag Motores na 125 Sport e com motores preparados por seu pai Edson Bayard e pela Pablo Racing na Fórmula 400 Sport. “Tenho um ‘pacote técnico’ trabalhado por pessoas muito competentes e isso me dá muita confiança. Agradeço a eles e também ao meu pai pelo investimento e a toda minha família por seu apoio”, encerra o piloto, que conquistou também o vice-campeonato na Copa Sul Gaúcho na categoria 125.

Fonte: KG COM Assessoria de Comunicação

  • Não há comentários cadastrados até o momento!