publicidade
30/03/2021 18:00

Pedro Clerot inicia preparação para a disputa do Campeonato Mundial CIK/FIA no Brasil


Foto: Bruno Gorski

Pedro Clerot


Os melhores pilotos de kart do mundo estarão no Brasil em outubro para a disputa do Mundial, que pela primeira vez será realizado no país. E a chance de lutar por um título tão relevante com o apoio da torcida tem sido a grande motivação para os jovens talentos do kartismo brasileiro na busca por um título inédito, que nem mesmo Ayrton Senna conquistou.

É o caso de Pedro Clerot, brasiliense de apenas 14 anos de idade, que sonha em representar o Brasil na Fórmula 1 e, mesmo com a pouca idade, já tem uma história de superação. Piloto de kart na categoria Júnior, o jovem sofreu um forte acidente em setembro do ano passado e quebrou os dois pés, o que o deixaria praticamente de fora de todas as principais competições de 2020.

“Meu acidente aconteceu em uma sexta-feira, a gente estava treinando em grupo. Na maioria das semanas, a gente faz um treino todo mundo junto e eu estava largando em último. E acabou que dois pilotos se envolveram em um acidente e acabou sobrando para mim. Então eu capotei e quebrei os dois pés, iniciando ali uma longa e intensa recuperação”, explica Clerot.

As adversidades, no entanto, foram superadas com muita dedicação em seu trabalho para voltar para as pistas o mais rápido possível. “Eu fiquei muito focado em me recuperar, fiz de tudo: meditação, preparação física, nutrição, realizava exercícios mesmo de cadeira de rodas. Trabalhei muito para tudo dar certo e acabei conseguindo ir além dos meus limites”, conta o jovem natural de Brasília (DF).

Competindo desde 2016, quando seu pai atendeu aos insistentes pedidos para que o levasse para treinar de kart, Clerot garante que a paixão aconteceu logo no primeiro contato com o kart. “Quando eu fui acelerar na pista, eu simplesmente me apaixonei, foi amor à primeira vista. E desde 2016, eu estou treinando e correndo”, diz Clerot.

Desde então, o jovem piloto acumula conquistas no kartismo nacional, sendo bicampeão brasiliense na categoria Junior Menor em 2018 e 2019 e campeão do Open do Brasileiro na Junior em 2020 – este último, inclusive, é considerado por Clerot como o título mais importante de sua carreira.

“O título mais especial para mim foi o Open do Brasileiro, que eu acabei ganhando na categoria Júnior depois de 60 dias parado. Eu quebrei os dois pés em setembro e o Brasileiro era em dezembro. E eu consegui me recuperar a tempo”, conta Clerot, que também foi vice-campeão do Brasileiro na categoria Junior em 2020.

De olho em conquistas nesta temporada de 2021, o piloto de 14 anos disputará grandes competições nacionais, como a Copa São Paulo Light, a Copa Speed Park e o Brasileiro, mas também se prepara para o Mundial, que será disputado no final de outubro em Birigui (SP).

Mesmo sem ter uma família de pilotos, como é bastante comum no automobilismo, Clerot seguiu com sua grande paixão em meio aos problemas e espera chegar na Fórmula 1 um dia. Ele traça planos para correr em campeonatos de fórmula como preparação no futuro.

“Na minha família não tinha nenhum piloto, tem até uma história de meu avô que sempre gostou de carro e mecânica. Mas também me inspiro em muitos amigos aqui de Brasília, onde tem muitos pilotos famosos. Inclusive somos amigos do Felipe Nasr, que chegou à F1 também começando como eu no kart. Então eu sei que também posso me inspirar nesses competidores da minha cidade que conseguiram sucesso”, conta Clerot.

As competições estão suspensas em março por conta do agravamento da pandemia, mas devem ser retomadas no próximo mês com a Copa São Paulo Light.

Confira as principais conquistas de Pedro Clerot na carreira:
Bicampeão brasiliense Junior Menor – 2018 e 2019
Vice-campeão paulista Junior Menor – 2019
Vice-campeão Copa Speed Park OK Junior – 2020
Vice-campeão do Open do Brasileiro de Kart OK Junior – 2020
3º lugar no Brasileiro de Kart OK Junior – 2020
Vice-campeão no Brasileiro de Kart Junior – 2020
Campeão no Open do Brasileiro de Kart Junior – 2020

Fonte: RF1

  • Não há comentários cadastrados até o momento!