publicidade
17/07/2021 14:45

Felipe Drugovich chegou próximo do pódio e somou pontos nas duas primeiras provas da Fórmula 2 em Silverstone


Foto: Dutch Photo Agency

Felipe Drugovich


O sábado de Felipe Drugovich na 4ª etapa da Fórmula 2 no lendário Autódromo de Silverstone, na Inglaterra, terminou de forma positiva. Depois de classificar-se em 6º na tomada de tempos na sexta-feira, o brasileiro marcou pontos nas duas provas do dia ao finalizar a primeira muito próximo do pódio, em 4º, e a outra em sétimo.

Em seu segundo dia na Inglaterra, a Fórmula 2 disputou duas provas de 21 voltas cada, as Sprint Race. Na primeira delas, depois de largar em 5º por conta do grid invertido entre os 10 primeiros em relação à tomada de tempos, Felipe Drugovich rapidamente assumiu o 4º lugar, onde permaneceu até o final.

Na Sprint Race 2, novamente com grid invertido, mas agora em relação ao resultado da Sprint Race 1, Felipe Drugovich largou em sétimo e chegou a assumir a quinta posição durante a primeira volta. Depois, com visível falta de ritmo de seu carro, o representante de Maringá (PR) perdeu as posições que conquistara e voltou ao sétimo lugar. Nas duas últimas voltas o piloto da equipe inglesa UNI-Virtuosi travou uma bela disputa pelo 6º lugar com Juri Vips, mas terminou recebendo a bandeirada na 7ª posição.

Desta forma, Felipe Drugovich pontuou pela terceira vez consecutiva – ele conquistou um 4º lugar na terceira prova no Azerbaijão na etapa anterior – e somou mais 10 pontos na tabela de classificação do campeonato.

“Foi um dia em que conquistei pontos nas duas provas e, por isso, não foi de todo ruim. Faltou ritmo no carro desde o começo do dia, mas fizemos um bom trabalho na Sprint Race 1 e consegui me manter em 4º. As duas provas foram basicamente uma ‘procissão’, já que tivemos poucas ultrapassagens, e isso acabou me ajudando. Precisamos melhorar o carro para amanhã e encontrar a estratégia certa para buscarmos mais pontos e um belo resultado”, declarou Felipe Drugovich, 21 anos.

Neste domingo, às 6h50 (horário de Brasília), será disputada a Feature Race, corrida mais longa – 29 voltas – e mais valiosa, já que ela oferece quase o dobro da pontuação atribuída ao vencedor das Sprint Races (25 x 15). O grid de largada será o estabelecido na tomada de tempos e Felipe Drugovich largará em 6º, com transmissão ao vivo pelo Bandsports.

Felipe Drugovich tem o apoio de Drugovich Auto Peças, que atua no ramo de peças para caminhões e ônibus; da Jaloto & Drugovich, destaque nacional no segmento de transporte de cargas paletizadas; e da Stilo, fabricante italiana de capacetes.

Confira o resultado da Sprint Race 1:
1 Robert Shwartzmann (RUS) – Prema Racing – 21 voltas – 42:34.300
2 Juri Vips (EST) – Hitech Grand Prix – a 0.971
3 Christian Lundgaard (DIN) – ART Grand Prix – a 2.534
4 Felipe Drugovich (BRA) – UNI-Virtuosi – a 5.041
5 Theo Pourchaire (FRA) – ART Grand Prix – a 5.594
6 Oscar Piastri (AUS) – Prema Racing – a 8.403
7 Liam Lawson (NZL) – Hitech Grand Prix – a 11.640
8 Dan Ticktum (GBR) – Carlin – a 12.365
9 Marcus Armstrong (NZL) – DAMS – a 12.795
10 Richard Verschoor (HOL) – MP Motorsport – a 13.640
11 Lirim Zendeli (ALE) – MP Motorsport – a 14.222
12 Jehan Daruvala (IND) – Carlin – a 16.694
13 David Beckmann (ALE) – Charouz Racing System – a 17.215
14 Ralph Boschung (SUI) – Campos Racing – a 19.347
15 Matteo Nannini (ITA) – Campos Racing – a 20.113
16 Bent Viscaal (HOL) – Trident – a 21.048
17 Jack Aitken (GBR) – HWA Racelab – a 22.670
nc Marino Sato (JAP) – Trident – DNF
nc Guilherme Samaia (BRA) – Charouz Racing System – DNF
nc Alessio Deledda (ITA) – HWA Racelab – DNF
nc Roy Nissany (ISR) – DAMS – DNF
nc Guanyu Zhou (CHI) – UNI-Virtuosi – DNF

Confira o resultado da Sprint Race 2:
1 Richard Verschoor (HOL) – MP Motorsport – 21 volta – 42:38.909
2 Marcus Armstrong (NZL) – DAMS – a 1.202
3 Dan Ticktum (GBR) – Carlin – a 2.350
4 Oscar Piastri (AUS) – Prema Racing – a 7.726
5 Liam Lawson (NZL) – Hitech Grand Prix – a 12.161
6 Juri Vips (EST) – Hitech Grand Prix – a 14.879
7 Felipe Drugovich (BRA) – UNI-Virtuosi – a 15.522
8 David Beckmann (ALE) – Charouz Racing System – a 16.562
9 Lirim Zendeli (ALE) – MP Motorsport – a 18.150
10 Theo Pourchaire (FRA) – ART Grand Prix – a 18.619
11 Guanyu Zhou (CHI) – UNI-Virtuosi – 19.583
12 Roy Nissany (ISR) – DAMS – 21.141
13 Christian Lundgaard (DIN) – ART Grand Prix – a 21.893
14 Matteo Nannini (ITA) – Campos Racing – a 23.047
15 Robert Shwartzmann (RUS) – Prema Racing – a 24.329
16 Marino Sato (JAP) – Trident – a 26.701
17 Guilherme Samaia (BRA) – Charouz Racing System – 33.083
18 Jack Aitken (GBR) – HWA Racelab – a 35.937
19 Jehan Daruvala (IND) – Carlin – a 42.390
nc Bent Viscaal (HOL) – Trident – DNF
nc Ralph Boschung (SUI) – Campos Racing – DNF
nc Alessio Deledda (ITA) – HWA Racelab – DNF

Fonte: KG COM Assessoria de Comunicação

  • Não há comentários cadastrados até o momento!