publicidade
25/06/2020 14:24

Kartódromo Raceland está pronto para receber a edição comemorativa dos 10 anos do Super Kart Brasil


Foto: Gilmar Rose

Um dos principais e mais bem estruturados kartódromos do Brasil, o Raceland Internacional será o palco de um evento muito especial para o kartismo brasileiro, principalmente em um momento em que o esporte e o mundo procuram se reerguer dos traumas que ainda estão sendo causados pela pandemia do coronavírus.

Dentro de pouco mais de um mês a pista localizada em Pinhais, na Grande Curitiba (PR), receberá a edição comemorativa aos 10 anos da criação do Super Kart Brasil, um campeonato que marcou época no kartismo brasileiro e que retomará suas atividades entre os dias 30 de julho e 2 de agosto.

Agora sob administração dos empresários Alfredo Ebrahim, Claudio Kyrila e Wagner Ebrahim, o Kartódromo Raceland Internacional está preparado para receber pilotos e equipes de todo o Brasil no evento de caráter nacional que marcará a retomada das atividades do kartismo no Paraná.

“Estamos ansiosos pela volta das corridas e também muito honrados por termos sido escolhidos pelos organizadores para sermos a sede deste evento que comemorará os 10 anos de sua criação”, diz Wagner Ebrahim. “Estamos tomando e tomaremos todos os cuidados necessários no que diz respeito à higiene e cuidados com a saúde de todos”, completa.

O Super Kart Brasil foi criado em 2010 por sete dos maiores campeões do kartismo brasileiro: André Nicastro, Danilo Dirani, Dennis Dirani, Paulo Carcasci, Renato Russo, Ruben Carrapatoso e Sérgio Jimenez. “Cada um deles conseguiu colocar no SKB seu conhecimento adquirido ao longo das carreiras vitoriosas que têm ou tiveram. E daí surgiu um evento que marcou época e que, para nosso orgulho, estará em ‘nossa casa’ dentro de algumas semanas”, aponta Cláudio Kyrila.

Atendendo novo decreto municipal, o Kartódromo Raceland Internacional está aberto para treinos apenas entre segunda e sexta-feira. “Não podemos mais abrir no sábado e domingo e isto é uma determinação das autoridades, não podemos desobedecer, assim como estamos atendendo a todas as recomendações para controlar a entrada dos pilotos e equipes em nossas dependências, dentre outras providências”, destaca Alfredo Ebrahim.

Fonte: KG COM Assessoria de Comunicação

  • Não há comentários cadastrados até o momento!