publicidade
03/10/2021 09:51

Kiko Porto faz história em Mid-Ohio e se torna campeão da USF2000 com uma prova de antecipação


Foto: Gavin Baker

Kiko Porto


O Brasil conquistou mais um título internacional na tarde deste sábado (2) nos Estados Unidos em uma das principais divisões de acesso da Fórmula Indy. Chegando à rodada final como líder do campeonato, Kiko Porto conquistou o título da temporada de 2021 da USF2000 no circuito de Mid-Ohio.

Após largar na sexta posição, o piloto pernambucano subiu para a terceira colocação, abrindo uma vantagem de 45 pontos em relação ao segundo colocado, Michael D´Orlando. Como 33 pontos estarão em jogo na prova final neste domingo, Kiko garantiu a conquista com uma etapa de antecipação e também o prêmio de cerca de US$ 400.000 para ser utilizado na Indy Pro 2000 em 2022.

Nesta temporada, sua segunda na USF2000, o brasileiro de 18 anos acumulou até este sábado seis pole positions, quatro vitórias e nove pódios com a equipe DEForce.

“Primeiramente, gostaria de agradecer por todo suporte de cada um que torceu por mim. Acredito que a chave para esse título foi a constância, campeonato se ganha com os pontos durante o ano, e felizmente consegui entregar performance nas etapas. A equipe e eu procuramos sempre minimizar os erros e eu particularmente tentei a todo momento ter minha cabeça no lugar, dando um passo de cada vez. Hoje, na segunda prova, vou fazer algo inédito em minha carreira: correr sem pressão”, diz Kiko, que é patrocinado pelo Banco Daycoval.

Com o título desta temporada, Kiko Porto entra para a história da USF2000 como o segundo piloto brasileiro a vencer na categoria. O primeiro foi o paulista Zak Morioka na temporada 1997.

Neste domingo, às 9 horas, acontece a classificação 2 e a corrida 2 será às 12h00, com transmissão no canal da Twitch Fittipaldi Brothers.

Histórico de conquistas do jovem pernambucano – Com conquistas no kart desde 2013, Kiko tem um currículo com diversos títulos ao redor do Brasil. O jovem piloto foi pentacampeão paraibano entre 2013 e 2017, tetracampeão pernambucano (2013, 2014, 2015 e 2016) e bicampeão alagoano (2015).

Kiko também foi campeão brasileiro de kart em 2016 na categoria Júnior Menor, mesmo ano em que conquistou os títulos da Copa São Paulo na Rotax Junior Max Rookie e o bicampeonato no Super Kart Brasil. No ano seguinte, ainda foi campeão das 500 Milhas de Kart Granja Viana com a equipe Barrichello Hero e vencedor da etapa do CIK-FIA Academy Trophy, em Alaharma, na Finlândia.

Após anos de conquistas no kartismo brasileiro, Kiko chegou aos EUA em 2018, quando disputou sua primeira temporada da Fórmula 4 Americana. No ano seguinte, ele já foi vice-campeão da categoria com três vitórias acumuladas com a equipe DEForce, a mesma que corre até hoje, e garantiu uma vaga para correr na USF2000 em 2020.

Em seu ano de estreia, inclusive, o piloto pernambucano venceu em St. Petersburg no final da temporada e também subiu quatro vezes no pódio, além de cravar a pole position em duas oportunidades. Seu bom desempenho trouxe a renovação para 2021, temporada na qual garantiu o título aos 18 anos, sendo o único piloto brasileiro no Road to Indy neste ano.

Fonte: RF1

  • Não há comentários cadastrados até o momento!