publicidade
07/06/2021 10:53

Guilherme Samaia destaca final de semana difícil na 3ª etapa da Fórmula 2 em Baku


Foto: Dutch Photo Agency

Guilherme Samaia


O fim de semana da terceira etapa da Fórmula 2 no Azerbaijão proporcionou três corridas espetaculares no circuito de rua da capital Baku. As vitórias ficaram com o russo Robert Shwartzman e com o estioniano Juri Vips, que venceu a Sprint Race 2 e a Feature Race. O circuito de 6.003 metros, ao contrário de Mônaco na rodada anterior, traz longas retas, muitas disputas por posição, várias ultrapassagens e também alguns incidentes.

Guilherme Samaia não teve um fim de semana dos mais suaves na capital azeri. O brasileiro, competindo pela equipe Charouz Racing System, terminou as três corridas do fim de semana, o que definiu como uma etapa “de sobrevivência”, mas não conseguiu atingir o objetivo de marcar pontos. Foi 17º, 14º e 18º nas três provas com dificuldades variadas.

“Foi um fim de semana muito difícil. As coisas simplesmente não se encaixaram. Baku é uma pista incrivelmente difícil, pois com as longas retas é muito difícil manter as temperaturas de pneus e freios a níveis aceitáveis, especialmente em relargadas. Tive bons inícios nas corridas, mas manter o ritmo nas voltas iniciais foi mais complicado, especialmente na corrida 3, onde levei um toque na traseira na curva 2, que furou meu pneu e danificou o assoalho e o duto de freio traseiro esquerdo”, apontou o brasileiro.

“Numa pista onde maximizar freadas é essencial, eu tive muitas dificuldades. Então, foi um fim de semana de sobrevivência, no qual não deu para fazer muita coisa. Agora vamos seguir trabalhando, analisando tudo para chegarmos mais fortes em Silverstone”, concluiu Samaia.

O quarto encontro da Fórmula 2 acontece de 15 a 17 de julho no circuito de Silverstone, na Inglaterra.

Fonte: P1 Media Relations

  • Não há comentários cadastrados até o momento!