publicidade
24/05/2019 13:34

Gabriel Bortoleto teve boa atuação em meio a 69 pilotos na categoria OK na segunda etapa do Europeu


Foto: Divulgação

Gabriel Bortoleto


Terminou no último domingo (19), a segunda rodada do Campeonato Europeu. Pilotos e equipes de todas as regiões do mundo se reuniram no Kartódromo de Genk, na Bélgica, para as provas que receberam apenas as categorias OK e OK Júnior.

Mesmo com apenas duas categorias, o evento foi bastante movimentado e reuniu, ao todo, quase 200 competidores. Representando o Brasil na categoria OK, o piloto Gabriel Bortoleto (Americanet | CRG) chegou a esta rodada na 6ª posição na classificação. Com humildade e muita perseverança, o jovem de 15 anos queria muito subir na tabela de classificação e com a ajuda de sua equipe, trabalhou duro em busca de seu objetivo.

Os treinos particulares começaram na quinta-feira, porém, a cronometragem oficial somente disponibilizou os resultados a partir da sexta-feira (17). Em busca do ajuste ideal do kart, Gabriel não se ateve muito aos tempos propriamente ditos nos treinos. Na tomada de tempos, realizada também na sexta, o jovem paulista conseguiu garantir o 10º lugar geral, que o colocou na segunda posição do grupo “D” para as provas classificatórias.

Durante todo o dia de sábado e também na manhã de domingo, a pista foi ocupada apenas para as corridas classificatórias. Na primeira disputa, quando aconteceu o confronto entre os grupos BxD, Bortoleto ficou com a quarta colocação e tabém com a melhor volta da corrida. No embate DxE ele chegou na terceira posição, mas acabou sendo penalizado e com isso assegurou o 13º lugar. As provas seguiam a todo vapor e Gabriel foi para a disputa AxD, muito animado. Nesta corrida, quando vinha na terceira colocação, o piloto foi obrigado a abandonar a prova com a corrente de seu kart quebrada. Encerrando o sábado, aconteceu a disputa dos grupos DxF e Bortoleto terminou em oitavo. Finalmente, no embate CxD, Gabriel ficou no quarto lugar. Na soma das provas, com 52 pontos perdidos, o piloto da CRG seguiu para a final na 24ª posição.

Na tarde de domingo foi disputada a grande final da etapa. Bortoleto, após receber um toque, caiu para o fim do pelotão antes mesmo da primeira curva. Ao se ver na 36ª posição, o piloto só enxergou uma possibilidade – se divertir. Durante as 25 voltas da corrida Gabriel foi o piloto mais comentado da corrida. Ele superava seus concorrentes em todos os pontos da pista. Com garra e muita segurança, Bortoleto consegui recuperar 23 posições ao todo, recebendo a bandeirada em 13º.

A semana foi muito complicada aqui na Bélgica. Nas classificatórias tivemos alguns problemas e larguei de 24º na final. Nesta prova decisiva, antes mesmo da primeira curva, levei um toque que me jogou para o fim do pelotão. Consegui fazer uma prova bem legal e cheguei em 13º. Não era o resultado que eu esperava, mas nem sempre temos o final de semana perfeito. Obrigado a todos que torceram por mim toda essa semana, vamos para a próxima, daqui duas semanas, na Suécia”, comentou o piloto da Americanet.

Fonte: Quick Comunicação e Marketing

  • Não há comentários cadastrados até o momento!