publicidade
08/03/2018 09:42

Empresas brasileiras apoiam Sérgio Sette Câmara em sua segunda temporada 2018 da Fórmula 2


Foto: Dutch Photo Agency

Sérgio Sette Câmara


No autódromo de Paul Ricard, no sul da França, o piloto brasileiro Sérgio Sette Câmara (YOUSE | BMG | CCR | CEMIG | GASMIG), de 19 anos, recebeu a luz verde para o início de sua participação na temporada 2018 do Campeonato Mundial de Fórmula 2. Nesta terça, quarta e quinta-feira o jovem de Belo Horizonte participa das primeiras atividades oficiais da pré-temporada.

Diante de quase 50 anos com representatividade na Fórmula 1, principal categoria do automobilismo mundial, em 2018 será a primeira vez desde 1970 em que a nação verde e amarela não terá nenhum piloto por lá. Se na F1 a população não terá para quem torcer, na F2, principal categoria de acesso, Sette Câmara inicia a sua segunda temporada no campeonato. Na tradicional equipe inglesa Carlin/McLaren Junior ele terá chances reais de lutar pelas vitórias e até mesmo pelo título da temporada.

Porém, para que o piloto pudesse seguir sua trajetória na busca pelo nível máximo do esporte mundial, o aporte financeiro por meio de patrocínios sempre foi fundamental em sua carreira. Assim, contando com Projetos aprovados na Lei Federal de Incentivo ao Esporte e também no programa Minas Esportiva, do Governo do Estado de Minas Gerais, o piloto conseguiu reunir o orçamento necessário para as disputas do Mundial 2018.

Através da destinação do Imposto de Renda ou do ICMS, algumas empresas estão realmente acreditando no potencial de visibilidade do esporte brasileiro e destinando suas verbas para levar o Brasil de volta à F1. Assim, nesta terça-feira, Sérgio apresentou o layout oficial de seu carro para 2018 estampando as cores da YOUSE, Banco BMG, CCR, CEMIG e GASMIG.

“Em nome de todos os atletas do Brasil e de Minas Gerais quero agradecer aos nossos governantes pela possibilidade de podermos competir em alto nível, em qualquer lugar do planeta, contando com a destinação de impostos das empresas. Estou muito feliz por ter conseguido o apoio de sólidas empresas que poderão, acima de tudo, me deixar focado apenas no meu papel de acelerar e buscar o máximo de rendimento dentro das pistas”, comentou Sette Câmara.

Leandro Claro, CMO da Youse, principal patrocinadora do piloto brasileiro, está otimista com as possibilidades oferecidas pelo piloto e a temporada 2018 de F2. “A Youse acredita na ousadia do Sérgio. Assim como a marca, ele não tem medo de quebrar barreiras e alcançar novos patamares. Acreditamos que este será um ano de muitas conquistas e a Youse estará junto com Sérgio dando a ele a segurança necessária para alcançar seus objetivos”, diz Leandro.

Fonte: Quick Comunicação e Marketing

  • Não há comentários cadastrados até o momento!