publicidade
03/08/2020 14:20

Enrico de Lucca competiu na abertura da GT Sprint Race e mostrou rápida adaptação em sua estreia no automobilismo


Foto: Movimento em Foco

Enrico de Lucca


Vivendo um final de semana repleto de novidades, desde o carro ao conhecimento do circuito, Enrico de Lucca (D2 Motors) deu mais um passo em sua carreira ao competir pela primeira vez em carros de turismo. O piloto paulista estreou no automobilismo brasileiro durante a etapa de abertura do GT Sprint Race no Autódromo Zilmar Beux, em Cascavel.

Campeão nacional e internacional de kart, aos 16 anos de idade Enrico de Lucca disputou sua primeira prova fora dos kartódromos e, com incrível e rápida adaptação, já mostrou competitividade logo no primeiro contato com o carro, marcando o segundo tempo na sessão classificatória.

Mesmo tendo um final de semana de resultados médios, De Lucca completou muito feliz sua estreia no automobilismo. Em um grid de dezenove competidores, largou da 10ª posição e, quando iniciava a busca pelo top 3 da divisão PRO, acabou sofrendo um abandono devido uma pane elétrica.

“Foi uma experiência incrível. Além de ter sido minha primeira competição em carros, tinha o fator de estar dividindo a pista com pilotos que hoje competem ou já competiram na Stock Car e Stock Light. Consegui me adaptar bem ao carro e boas marcas no único treino livre que tive para conhecer o carro. Já na tomada, o carro apresentou uma queda de rendimento”, descreveu Enrico, que seguia ansioso para sua corrida de estreia.

“Já na prova, antes mesmo da volta de apresentação, o carro apresentou problemas eletrônicos, que voltaram a se repetir no momento da largada. Mesmo perdendo tempo e posições importantes, após o carro voltar a ter um rendimento normal consegui uma boa recuperação. Saí de 16º e cheguei a me posicionar no top 5 da segunda corrida. Mas quando eu iniciava a busca ao terceiro colocado na PRO, o carro simplesmente apagou, fazendo com que minha corrida de estreia acabasse um pouco antes do planejado”, concluiu De Lucca.

Competindo em dupla com Danillo Ramalho, o piloto paulista exaltou a experiência de dividir a pista seu preparador e chefe de equipe no kart, que sempre esteve por trás da preparação de seu equipamento nas pistas.

Fonte: BEcom

  • Não há comentários cadastrados até o momento!