publicidade
24/09/2018 07:37

Belas disputas e mais três classificados para a final da Seletiva Petrobras marcaram a 7ª rodada do Light


Foto: Jackson de Souza

O Kartódromo Aldeia da Serra, na grande São Paulo, voltou a receber uma competição oficial neste sábado (22), quando foi realizada a 7ª rodada dupla da Copa São Paulo Light. Como já se tornou uma tradição, a prova reuniu os melhores pilotos do Estado, bem como representantes de várias outras regiões do país.

Depois de dois dias dedicados aos treinos, as equipes deixaram tudo pronto para o sábado de competições, que foi dedicado apenas para as tomadas de tempos e as corridas. A programação foi aberta com as disputas da categoria Mirim, que teve Rafael Diniz largando da pole-position. Nas corridas, porém, quem dominou foi Felipe Vriesman, que, com duas vitórias, garantiu a pontuação máxima e foi ao alto do pódio. Yuri Morelli ficou com a segunda colocação e Lorenzo Bergallo foi o terceiro.

Com o tempo de 48s412, o jovem Eduardo Araújo foi o mais veloz na tomada de tempos da Cadete e se garantiu na pole-position. Com um grid de 13 pilotos, as corridas foram bem disputadas e, como acontece sempre nesta classe, decididas nas últimas voltas. Com a segunda posição na primeira corrida e a vitória na segunda, Araújo conseguiu ficar com a vitória geral na etapa. Ele recebeu no pódio, ao seu lado, Wagner Santilli em segundo e Murilo Rocha em terceiro.

Utilizando o traçado mais veloz da temporada, com duas longas retas, a Júnior Menor viu o mineiro Lucas Staico registrar a pole-position, com o tempo de 41s184. Nas corridas, com alguns dos principais nomes da categoria no país, as provas foram de arrepiar. Na primeira bateria, Staico venceu, com Vinícius Tessaro em segundo e, na segunda bateria, foi a vez de Tessaro vencer, com Staico em segundo. Pela soma dos resultados eles ficaram empatados e, no desempate, deu Staico em primeiro devido à sua pole-position. Tessaro foi ao pódio em segundo e Nicolas Chon em terceiro.

A exemplo do que foi visto na Júnior Menor, os pilotos da Júnior fizeram duas grandes apresentações, com disputas que se estenderam até as duas bandeiradas. Com a marca de 40s112, Gabriel Fonseca fez a pole-position. Nas corridas, porém, a tônica foi de várias trocas de posição e provas realmente de arrepiar. Mesmo sem ter ganho nenhuma corrida, Nicolas Fabris foi quem somou mais pontos e, com isso, foi ao alto do pódio após a conquista de um terceiro e um segundo lugar. Enrico de Luca foi o segundo colocado e Fonseca o terceiro.

Encerrando a programação da manhã, os pilotos da Sprinter tomaram o traçado. Richard Annunziata foi quem registrou a pole-position ao estabelecer o tempo de 40s835. Nas corridas, porém, João Pedro Orban mostrou todo o seu talento e, com a vitória na primeira bateria e a segunda colocação na segunda, subiu ao pódio no primeiro lugar. Annunziata foi o segundo e Felipe Nicoletti o terceiro colocado.

Abrindo a programação da tarde, os 13 pilotos da categoria Graduado tomaram o traçado em busca dos pontos do campeonato e, também, das três vagas da Seletiva de Kart Petrobras. Christian Fliter deu as cartas logo na tomada de tempos e, com a marca de 38s234, registrou a pole-position. Nas corridas, as brigas pelas primeiras posições foram intensas do princípio ao fim. Ao final das duas baterias quem levou a melhor na rodada foi Enzo Prando, com uma vitória e uma terceira posição. Felipe Baptista foi ao pódio em segundo e Lucas Okada na terceira posição. As vagas da Seletiva ficaram, assim, com Fliter, Prando e Okada.

A Sênior e Super Sênior foram juntas para a pista. Ernandes Onassis, fabricante dos chassis Bravar, mostrou mais uma vez a sua qualidade como piloto e também dos karts que produz. Com um segundo lugar na primeira bateria e com a vitória na segunda, foi ele quem mais somou pontos no dia, subindo no degrau mais alto do pódio. Victor Luz foi o segundo e Maique Paparelli o terceiro. Na Super Sênior Euvaldo Luz ficou com a vitória, seguido por Christiano Matheis e José Augusto Dias.

Encerrando a rodada, os karts da F4 tomaram o circuito. Apesar de não ter um bom número de pilotos na pista, o que se viu foram disputas muito acirradas e, ao final, Giuliano Forcolin voltou a vencer, seguido por Rafael Toledo e Rodrigo Anzanello.

O Light volta à cena no dia 27 de outubro, duas semanas após a Copa Brasil, para as disputas da 8ª rodada do ano.

Fonte: Quick Comunicação e Marketing

  • Não há comentários cadastrados até o momento!