publicidade
04/08/2021 08:30

Guilherme Quinteiro finalizou a Copa Brasil no top 5 das categorias OK Júnior e Júnior


Foto: Jackson de Souza

Guilherme Quinteiro


Enfrentando um duplo desafio na 22ª Copa Brasil, Guilherme Quinteiro foi um dos grandes nomes nas categorias OK Júnior e Júnior nos dois grupos de atividades da competição nacional, realizada no Kartódromo Luigi Borghesi, em Londrina (PR), entre os dias 21 e 30 de julho.

Campeão Paranaense a um mês atrás, quando também venceu o Open da Copa Brasil, o piloto santista de 14 anos destacou-se nas duas categorias, mas, como em qualquer corrida, nem sempre ser rápido é o essencial. Quinteiro enfrentou dificuldades nas Final de ambas as categorias, mas mesmo assim se manteve no top 5 da competição nacional.

Competindo na mesma categoria do Mundial, Quinteiro teve seu objetivo de conquistar o título na OK Júnior prejudicado na prova decisiva. Após liderar treinos livres e vencer as duas classificatórias, um azar no sorteio dos pneus limitou o desempenho do piloto, que, ao completar a prova final em 4º, detectou um problema nos pneus, que ‘abriram’ no decorrer da prova.

Repetindo o desempenho no segundo grupo da Copa Brasil, agora na Júnior, Quinteiro novamente vinha liderando sessões de treinos livres e repetiu a vitória na segunda classificatória, garantindo o 2º lugar para a largada da Final. Assumindo a liderança ainda na primeira volta, ele a manteve nas cinco voltas seguintes, mas sequência de disputas acabou limitando seu desempenho nas voltas finais e, assim, ele finalizou novamente em 4º.

“Trabalhamos muito para essa competição, foram treinos intensos antes mesmo do evento e ser limitado por um item que é sorteado para os pilotos chega a ser frustrante. Nosso desempenho era muito bom na OK Junior, e mostramos isso nas classificatórias, mas infelizmente fomos limitados pela perda de aderência dos pneus, uma pena. No segundo grupo tivemos uma batalha mais complicada na Final, mesmo assim consegui me manter entre os primeiros. Só tenho a agradecer a toda equipe D2 Motors, acerto de chassis e motor ímpar, todo trabalho do meu mecânico Terel, e todos os meus amigos e minha família pela torcida”, disse Guilherme Quinteiro, que agora volta o foco em sua preparação para o Mundial, que será realizado em dezembro.

Fonte: BEcom

  • Não há comentários cadastrados até o momento!