publicidade
29/05/2021 12:09

CNK elogia adequações feitas no Kartódromo de Londrina para a Copa Brasil. Inscrições com desconto no 1º lote terminam 2ª


Foto: Divulgação

Rubens Gatti, Binho Carcasci e Ricardo Molina


Os preparativos para a 22ª edição da Copa Brasil seguem a todo vapor. Na próxima segunda-feira (31) termina o prazo para quem quiser se inscrever com o desconto do 1º lote. Até o momento, mais de 60 kartistas já confirmaram presença na disputa, que acontecerá entre os dias 21 e 30 de julho no Kartódromo Luigi Borghesi, em Londrina (PR).

Para se inscrever, basta acessar o link no site da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA).

Até dia 31 de maio, as inscrições seguem com desconto (R$ 1.030,00 para pilotos Mirim e Cadete e R$ 1.990,00 para as demais categorias). Entre 1º de junho e 14 de julho os custos serão de R$ 1.075,00 (Mirim e Cadete) e R$ 2.210,00 para as demais. A partir de 15 de julho, os valores sobem para R$ 1.125,00 (Mirim e Cadete) e R$ 2.430,00 (demais categorias).

Na última terça-feira (25) integrantes da Comissão Nacional de Kart (CNK) estiveram no kartódromo para uma visita técnica ao lado de Rubens Gatti, presidente da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA), e membros da Associação dos Kartistas da Região de Londrina (AKRL).

“Como a Copa Brasil aconteceria inicialmente em outubro do ano passado, o kartódromo já havia se adequado visando atender as demandas passadas pela gestão anterior da CNK. Todo o trabalho está muito adiantado, falta apenas uma barreira ou outra de pneus para aumentar ainda mais a segurança e possivelmente uma mudança no fluxo do Parque Fechado, mas coisas simples mesmo. A prefeitura e a Associação dos Kartistas da Região de Londrina têm feito um trabalho muito bom e estamos dentro dos prazos e muito animados para voltar a realizar um campeonato nacional na cidade”, destacou Rubens Carcasci, presidente da CNK.

Há mais de 20 anos, Londrina não recebe um evento nacional de kart. O último foi o Brasileiro em 1999.

“As expectativas para a Copa Brasil são as melhores possíveis. Estamos ansiosos para receber o evento. Desde 2019, quando houve o anúncio de que a competição seria aqui, estamos aperfeiçoando as condições de pista, com melhorias nas zebras, asfalto, estrutura de Parque Fechado e iluminação de toda a pista em LED, além da modernização da estrutura como um todo do Kartódromo Luigi Borghesi”, declarou Eduardo Giglio, diretor financeiro da AKRL, que também é comandada por Júlio Conte (presidente) e Márcio Eduardo (diretor desportivo). Os três também são kartistas e estarão na disputa em julho.

“Todo o trabalho é fruto da parceria entre o munícipio de Londrina e a AKRL. Foram investidos cerca de R$ 500 mil para recebermos a Copa Brasil. No final de junho teremos o Paranaense aqui, que será o Open da Copa Brasil, e esperamos já atender muitos pilotos”, completou Giglio.

Nesta edição da Copa Brasil serão 15 categorias em disputa, divididas em dois grupos, com o total de 10 dias de evento. O primeiro, com sete categorias - Mirim, Cadete, F4 Júnior, F4 Graduado, F4 SS / SSM, OK e OK Júnior -, acontecerá entre os dias 21 e 25 de julho.

O segundo, para as categorias Júnior Menor, Júnior, Graduados, Sênior B + Novatos (Sprinter), KZ, Sênior A, SS/SSM e F4 Sênior, entre os dias 26 e 30.

Fonte: FG Com

  • Não há comentários cadastrados até o momento!