publicidade
06/09/2019 14:53

Brasileiros têm ótimos resultados na tomada do Mundial. Galli, apoiado pela Iame e MG, é 10º. Câmara é 2º


Foto: Divulgação

Olin Galli em Alaharma, Finlândia


Mais de 200 pilotos estão em Alaharma, na Finlândia, disputando o Campeonato Mundial de Kart nas categorias OK Junior e OK, que têm a participação de sete pilotos brasileiros. E nesta sexta-feira, depois de algumas sessões de treinos, foram realizadas as tomadas de tempo.

Os brasileiros, em sua maioria, se saíram muito bem, inclusive garantindo posições de grande destaque, como Rafael Câmara e Olin Galli.

O piloto carioca disputa o Mundial na categoria OK como prêmio oferecido pela IAME Brasil e pela MGtires ao campeão brasileiro da Codasur. Desta forma, Galli (CRG | Iame) tem seu pacote técnico bancado pelas duas empresas e, ao fim da tomada de tempos, quando os pilotos foram divididos em quatro grupos, ele foi o 10º colocado entre 88 participantes. Galli marcou 43.284, apenas 114 milésimos mais lento que o pole, o italiano Gabriele Mini.

Gabriel Bortoleto, também com chassi CRG e motor Iame, foi o 14º, a 142 milésimos da pole, enquanto Matheus Morgatto (Tony Kart | Vortex), a 184 milésimos do melhor tempo, terminou em 17º. Ricardo Gracia (Parolin | TM), que corre seu primeiro Campeonato Mundial, foi o 60º, pouco mais de meio segundo mais lento.

O melhor resultado brasileiro, entretanto, chegou na OK Junior, com Rafael Câmara (Exprit | TM). O piloto pernambucano foi o 2º colocado entre 104 concorrentes, a 54 milésimos do pole, o russo Nikita Bedrin.

Júlia Ayoub (Birel Art | TM) foi a 30ª colocada, a .447, e Matheus Ferreira (Exprit | Vortex) terminou com a 44ª posição, a 513 milésimos.

As duas categorias estão com seus grids lotados e o equilíbrio foi a tônica. Na OK, com 88 pilotos, 82 ficaram no mesmo segundo, enquanto que na OK Junior, com 104 concorrentes, 86 “imitaram” essa situação.

Fonte: Portal Kart Motor | Erno Drehmer

  • Não há comentários cadastrados até o momento!