publicidade
31/08/2018 10:08

Sessão de julgamento no STJD/CBA devolve título de campeão brasileiro da Júnior para Enrico de Lucca


Foto: Vitória Drehmer

Enrico de Lucca (C), com Crepaldi (E) e João Matos (D) no Campeonato Brasileiro


Em sessão realizada na noite desta quinta-feira (30), os juízes do Superior Tribunal de Justiça Desportiva da CBA julgaram o Processo nº 12/2018-CD, que tratava do recurso interposto pelo piloto Enrico de Lucca contra a punição de 5 segundos a ele atribuída por atitude antidesportiva pelos Comissários Desportivos na final do Campeonato Brasileiro, em julho, no Kartódromo Granja Viana.

Vencedor da Final, e por consequência campeão brasileiro da categoria Júnior, de Lucca acabou caindo para a 5ª posição em função da punição. Assim, o título ficou com o segundo colocado, Gabriel Crepaldi, de acordo com os documentos oficiais divulgados pelos Comissários Desportivos daquela competição.

Descontente com a punição imposta, Enrico de Lucca impetrou recurso ao STJD/CBA, o que tornou o título de Gabriel Crepaldi “sub júdice”, termo utilizado na justiça para determinar que a definição está em aberto e carece de julgamento.

Por unanimidade de votos (5 votos a favor), Enrico de Lucca teve o recurso concedido, o que o torna novamente campeão brasileiro da categoria Júnior.

De acordo com a lei, existe uma segunda instância, o Tribunal Pleno do TJD da CBA, para o qual Gabriel Crepaldi poderá, atendendo os devidos prazos, recorrer se achar conveniente – o que, então tornaria o título de Enrico de Lucca “sub júdice”.

Fonte: Portal Kart Motor | Erno Drehmer

  • Não há comentários cadastrados até o momento!