publicidade
10/11/2021 14:16

Pablo Hattori troca assistir a Fórmula 1 na arquibancada por treinos para o Brasileiro no Beto Carrero


Foto: Eni Alves

Pablo Hattori


Já é notório que a primeira e melhor escola do automobilismo é o kartismo. Os garotos começam a praticar com cinco, seis anos de idade e vão avançando de categorias, muitos chegando a correr de kart até por dez anos antes de estrear nos carros.

E o sonho de 100% desta molecada é um dia chegar na Fórmula 1, como aconteceu e se realizou com todos os pilotos que neste fim de semana estarão no Autódromo de Interlagos, para a disputa do GP São Paulo de F1, em especial para Max Verstappen, que foi campeão mundial de kart em 2013, e da sensação Lando Norris, campeão mundial em 2014. Lewis Hamilton foi campeão da Copa do Mundo e do Europeu.

Grande parte das arquibancadas de Interlagos desde sexta-feira será ocupada por kartistas que querem ver de perto os velozes monopostos da Fórmula 1, alimentando o seu sonho de um dia chegar lá, como tantos outros brasileiros, culminando com os campeões mundiais Emerson Fittipaldi, Nelson Piquet e Ayrton Senna.

Mas tem um menino que abriu mão da oportunidade de ver de perto a velocidade do Fórmula 1 para treinar com o seu kart para tentar ser campeão brasileiro da modalidade. O pequeno goiano Pablo Hattori (Sprayercom / ONS Motorsport) preferiu viajar nesta semana para Penha, em Santa Catarina, para desenvolver ainda mais as suas habilidades e o seu chassi Cadete Bravar no Kartódromo Beto Carrero, onde será realizado o Open do Brasileiro (17/11) e o Brasileiro de Kart (11/12).

“Eu quero chegar na Fórmula 1 porque amo velocidade e me inspiro no Ayrton Senna”, afirma o garotinho de apenas 10 anos de idade. “Já que os meus adversários vão vir muito fortes, prefiro treinar de kart e me dedicar para tentar ser campeão brasileiro de kart este ano”, diz com determinação o piloto que foi quinto colocado no SPR Light na semana passada nesta mesma pista catarinense.

“Prefiro muito mais estar sentado no cockpit do kart do que estar assistindo a Fórmula 1 sentado na arquibancada. Então, resolvi me esforçar bastante treinando muito. A Fórmula 1 pode ficar pra depois”, completou o ‘Japonês Voador de Goiás’.

Após os treinos, Pablo Hattori vai aproveitar que estará no Kartódromo Beto Carrero e disputará no feriado de 15 de novembro a última etapa do Kart Pro Endurance Championship, com uma hora de duração, com transmissão ao vivo pelo canal da Floripa Speed no Youtube e no facebook da FAUESC.

“Trago na mala, direto de Goiás, a experiência do preparador Wellington de Castro, da equipe WCS Racing, para me ajudar. E ainda terei a companhia de meus amigos goianos Miguel Barbosa e Felipe Grando. Vai ser bem proveitoso e divertido”, finalizou Pablo.

Fonte: Master Mídia Marketing

  • Não há comentários cadastrados até o momento!