publicidade
14/07/2018 19:32

André Nicastro escreve mais um capítulo na história do kartismo brasileiro e garante o título na Codasur


Foto: Vitória Drehmer

Schoma, Nicastro e Okada


A história do kartismo brasileiro, é claro, está sendo escrita brilhantemente aqui na Granja Viana, já que este belo evento está revelando seus novos e talentosos campeões – que, é lógico, entram para a história.

Mas em alguns casos é mais do que isso, é disputa “ponto a ponto” para estar no topo das estatísticas. Saudável e entre amigos, esta disputa teve um novo capítulo hoje, na Codasur, categoria que estreia este ano no Brasil.

André Nicastro, que largou em 3º, foi o vencedor depois de superar Victor Schoma, que largara em 5º e na primeira volta assumia a liderança após um incidente que tirou da prova Olin Galli e Felipe Baptista, o pole.

O carioca pressionou Schoma e algumas voltas depois assumia a ponta em definitivo para abrir uma boa vantagem, que terminaria em cerca de 2,5 segundos. Schoma, com atuação segura e sem erros, também abriu boa vantagem e ficou com o vice-campeonato.

Lucas Okada, Christian Fliter, Gabriel Paturle e Danillo Ramalho fizeram uma boa disputa pelo terceiro lugar, que ficaria com Okada.

Desta forma, André Nicastro garantiu sua vaga para o Campeonato Mundial e empatou em títulos no Campeonato Brasileiro com Renato Russo. Os dois agora tem nove conquistas cada um. E o que dizer disso?

Apenas o que escrevemos no ano passado, quando os dois venceram o Campeonato Brasileiro no Beto Carrero: hoje vimos a história do kartismo brasileiro ser contada em mais um belo capítulo.

Este ano o Kart Motor está com uma cobertura diferente, mais dinâmica, e você pode ter acesso a tudo isso. Além das nossas costumeiras notícias, temos a GALERIA DE FOTOS no Kart Motor e também o INSTAGRAM, com cliques exclusivos. Ou então acesse nosso canal no YOUTUBE para acompanhar vídeos gravados diretamente na Granja Viana. Por fim, acesse nosso FACEBOOK, onde temos feito (e faremos outros) vários vídeos ao vivo.

Confira os resultados (extraoficiais, porque ainda poderão ser aplicadas penalizações desportivas e/ou técnicas) – e acompanhe o livetiming da cronometragem em www.cronoelo.com.br):
1) 28-André Nicastro (FADF), 
2) 107-Victor Schoma (FAEM), a 2.524
3) 17-Lucas T. F. Okada (FADF), a 4.628
4) 18-Christian Fliter (FASP), a 5.151
5) 80-Gabriel Paturle e Silva (FMA), a 5.494
6) 118-Danillo Ramalho (FMA), a 6.208
7) 73-Enzo Weisheimer Elias (FADF), a 7.470
8) 77-Marcus Borges (FCA), a 8.424
9) 91-Lucca Croce (FASP), a 9.318
10) 212-Alain Michell Sisdeli (FPARN), a 11.211
11) 228-Vinicius Kwong (FPEA), a 16.660
12) 15-Marcelo Brandao (FMA), a 17.302
13) 59-Breno Ygor G. Monteiro (FAUGO), a 20.637
14) 386-Gustavo Lucatel A. Moura (FAUESC), a 20.763
15) 222-Fernando Dias (FAUESC), a 23.286
16) 11-Raphael Xavier martin (FMA), a 23.804
17) 12-Daniel Coutinho (FAEP), a 26.129
18) 25-Yhury S. Carvalho Silva (FAEM), a 32.750
19) 918-Paulo Lopes (FASP), a 1 volta
20) 33-Rodrigo Piquet (FADF), a 3 voltas
21) 85-Bruno Bunn Smielevski (FAUESC), a 4 voltas
22) 22-Augusto C. L. Aguiar (FPARN), a 10 voltas
23) 29-Victor Backes (FAUESC), a 11 voltas
24) 272-Christian Castro (FAUESC), a 13 voltas
25) 828-Guilherme Belfort Teixeira (FPEA), a 13 voltas
26) 35-Patrik Sango K Wenceslau (FAEMT), a 13 voltas
27) 9-Kenneth S. M. Rodrigues (FAERJ), a 13 voltas
28) 221-Sergio Crispim (FAEP), a 14 voltas
29) 312-Gabriel Lopes da Fonseca (FASP), a 18 voltas
30) 121-Felipe Baptista (FASP), a 19 voltas
31) 1-Olin Vieira Galli (FAERJ), a 19 voltas
32) 48-Lucas Nogueira (FMA), a 19 voltas
33) 43-Joao Renato Corbellini (FAERJ), a 19 voltas
34) 117-Nicolas Fliter (FASP), a 19 voltas
35) 24-João Cunha (FPEA), a 19 voltas
Melhor volta: Guilherme Belfort Teixeira (828), 42.306 (média 863,877 km/h), 4ª volta 

Fonte: Portal Kart Motor | Erno Drehmer

  • 14/07/2018 22:09 Silfarnei

    Detalhe agora ele pilota pelo Distrito federal quantos títulos o DF teve neste brasileiro ?
    Grande piloto

  • 15/07/2018 14:58 Erno drehmer

    Dois títulos, Vinicius Tessaro na Júnior Menor e João Pinheiro na Cadete.
    O André Nicastro tem apenas sua cédula desportiva pelo DF. Ele iniciou carreira no rio de janeiro e reside em são paulo, não formou carreira no df e apenas "representa" a fadf.